Corda oficial do Círio 2020 estará na Estação das Docas a partir desta quarta-feira (23)

A partir desta quarta-feira (23), a Estação das Docas receberá a Corda Oficial do Círio 2020, que ficará em exposição no armazém 2 do complexo. Pelo segundo ano consecutivo, o espaço recebe este importante símbolo da fé paraense e estará disponível para visitação até 30 de setembro, das 10h às 22h, com entrada franca.

A grande novidade desse ano é a exposição da Barca nova, que foi utilizada em círios anteriores, na qual os devotos poderão depositar suas promessas de cera.
No período de 1 a 7 de outubro, a Corda Oficial do Círio integrará a programação do “Círio na Estação 2020′ e será transferida para o interior do Armazém 3, onde poderá ser visitada de segunda a sexta, de 16h às 22h; e sábados, domingos e feriados de 10h às 22h.

Foto: Roni Ferreira

Com o cancelamento da tradicional procissão, em virtude da pandemia do novo coronavírus, a exposição será uma ótima oportunidade para os devotos e turistas contemplarem a corda, levada à Estação das Docas após passar por vistoria da Diretoria da Festa e Guarda de Nazaré. A inspeção analisou detalhes como argolas, nós e estações da Corda do Círio e Trasladação.

“A Organização Social Pará 2000 assegura que, em razão das condições atípicas deste ano, continuará obedecendo aos protocolos sanitários de segurança, tendo como objetivo principal prezar pela saúde dos devotos, além de garantir a todos uma excelente experiência, mas de maneira segura. Agradeço pelos parceiros que, mais uma vez, tornaram este evento possível. Esperamos continuar trazendo conforto e alento aos corações dos fiéis com este projeto”, disse o diretor presidente da Organização Social Pará 2000, Antônio Sobrinho.

A exposição faz parte do projeto Círio na Estação, uma correalização da Organização Social Pará 2000, que administra o espaço, e da Diretoria da Festa de Nazaré, Diretoria de Arraial, Diretoria de Decoração, com apoio do Governo do Estado.

A OS Pará 2000 salienta aos visitantes que é de extrema importância obedecer aos protocolos de segurança para evitar a disseminação da Covid-19.

HISTÓRIA

A corda passou a fazer parte do Círio em 1855, quando uma enchente da Baía do Guajará alagou a orla desde próximo ao Ver-o-Peso até as Mercês, no momento da procissão, fazendo com que a berlinda ficasse atolada e os bois não conseguissem puxá-la. Os animais então foram desatrelados e um comerciante local emprestou uma corda para que os fiéis puxassem a berlinda. Desde então, foi incorporada às festividades e passou a ser o elo entre Nossa Senhora de Nazaré e os fiéis.

SERVIÇO
Exposição Corda do Círio na Estação das Docas
Visitação:
De 23 a 30 de setembro – armazém 2 – 10h às 22h.
De 1 a 7 de outubro – armazém 3 – segunda a sexta, de 16h às 22h – sábado e domingo, das 10h às 22h.
Entrada Franca
Para entrar no complexo é obrigatório a utilização de máscara.
Endereço: Boulevard Castilhos França, S/N – Campina, Belém – PA

Deixe uma resposta